PREPARADO PARA REGULARIZAR A SUA EMPRESA?
ENTRE EM CONTATO »
MANDE UMA MENSAGEM:
(11) 95450-2250
Projeto de combate a incêndio

Ter um projeto de combate a incêndio em sua empresa é um dos fatores essenciais para garantir que ela está preparada para enfrentar qualquer tipo de ocorrência envolvendo fogo. Isso é extremamente importante para garantir não apenas a integridade da estrutura predial, como também para a manutenção da segurança dos ocupantes da construção.

Sendo um documento de tamanha importância, faz sentido que ele não seja tão simples de ser executado. É por isso que nós preparamos esse conteúdo exclusivo, que ajuda a compreender como elaborá-lo e quem pode apoiar sua empresa nessa empreitada.

Qual a importância do projeto de combate a incêndio?

Os riscos de incêndio devem ser controlados em qualquer tipo de edificação, seja ela para uso comercial ou residencial. E é por isso que são elaborados os projetos de combate a incêndio. Esse documento define as diretrizes para evitar e eliminar focos de fogo, orientando, com práticas de segurança, como identificar e combater circunstâncias que geram esse tipo de perigo.

Entretanto, esse é o tipo de pensamento que toda pessoa atenta e responsável poderia ter. A avaliação constante e o cuidado com situações como vazamento de gás, fazem parte do nosso dia a dia.

Mas, quando isso não se resume a apenas um apartamento ou espaço privado, é essencial desenvolver um plano de ação e prevenção mais robusto. É aí que está a importância do PPCI: ele abrange a avaliação e o cuidado com o prédio todo, sendo, inclusive, uma determinação legal.

O que é o PPCI?

Usamos a sigla PPCI no tópico acima e ela significa, exatamente, Projeto de Prevenção e Combate a Incêndio. Em conceito, você já entendeu o que ele é e qual a sua importância. Mas, como um documento técnico, vale a pena compreender um pouco mais a sua profundidade.

O PPCI sistematiza todos os detalhes que irão garantir a segurança dos indivíduos que estejam expostos a situações de incêndio. Isso é feito determinando como será realizada a evacuação, com a criação de um plano de ação, e também quais serão as práticas de combate ao fogo, caso ele já tenha se iniciado.

A solicitação desse documento deve ser feita pelo síndico do prédio ou pelo dono da edificação. E estabelecimentos que não o possuem estão sujeitos à aplicação de multa.

Quais são as etapas do projeto de combate a incêndio?

A criação do projeto de combate a incêndio segue legislações estaduais. Logo, é essencial se orientar pelas diretrizes de cada estado, ao iniciar o desenvolvimento do documento.

Após esse levantamento das normas técnicas que deverão ser organizadas, algumas etapas precisam ser seguidas para dar andamento à criação. São elas:

Visita ao local

Nessa fase, o responsável pelo desenvolvimento do PPCI visita o prédio, para conhecer sua estrutura e analisar as necessidades de adequação e o grau de risco que ele apresenta.

Elaboração do projeto técnico

Conhecendo o prédio e as normas de adequação, o profissional irá desenvolver o projeto de combate a incêndio, identificando os detalhes citados, como pontos de evacuação.

Avaliação final

Com o projeto pronto, uma equipe especializada pode ser chamada ao local, para avaliar se, na prática, as orientações do documento são válidas.

Após seguir essas etapas, o Corpo de Bombeiros é solicitado para vistoriar a edificação. Caso eles aprovem as adequações, há a liberação para funcionamento. 

Quem deve elaborar o PPCI?

A criação do projeto de combate a incêndio é de responsabilidade de um engenheiro ou arquiteto, só havendo validade legal se o profissional tiver com o seu registro ativo. Esse pode ser um trabalho pontual, realizado por profissionais autônomos, que podem executar o serviço.

Além disso, há empresas especializadas nesse tipo de documentação e vistorias, que contam com engenheiros e arquitetos devidamente registrados em seus órgãos, como o CREA, o CAU e o CONFEA.

Nesse caso, a empresa prepara e organiza tudo para a elaboração do projeto de combate a incêndio.

Também, realiza treinamentos com a equipe que, efetivamente, irá trabalhar no local, tornando-as aptas para situações emergenciais, como no caso de ser preciso realizar uma evacuação ou eliminar focos pontuais de incêndio. 

Como escolher a empresa certa para elaborar seu projeto de combate a incêndio?

Considerando a importância do PPCI, vale reforçar que esse documento só deve ser criado por empresas e profissionais responsáveis e altamente capacitados. Assim, é fundamental buscar um prestador de serviços com ótimas credenciais e grande experiência no ramo.

Para tanto, você pode contar com os serviços da Sallus Engenharia, que está pronta para atender à sua empresa e preparar todo tipo de documentação essencial para a segurança do seu empreendimento. Fale com os nossos especialistas!

© 2020 Todos os direitos reservados à Sallus Engenharia Jurídica
 
Desenvolvido por Agência Galatéia